A HISTÓRIA DO POVO HEBREU
 
 

        O povo hebreu possui uma trajetória de vida particular e muitas vezes, ligada pela guerra. A Bíblia, principal fonte de informações sobre o povo hebreu, contém narrações heróicas sobre batalhas, grandes feitos de reis e líderes, derrotas ocasionadas pela desobediência de leis e vitórias que foram obtidas com o auxílio de seu Deus, Iahweh, o Senhor dos Exércitos. O Pentateuco, conjunto dos cinco primeiros livros da Bíblia (Gênesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio) , é onde se encontram os primeiros passos da trajetória do povo hebreu no mundo antigo. Nestes livros encontramos a história do começo dos povos, a eleição de um povo escolhido por Deus, o hebreu,  a promessa que Deus daria uma terra especial para este povo e as leis que o hebreu deveria seguir para prosperar.

        Os patriarcas, chefes de família, foram os personagens principais no começo da história hebraica.  É com eles e por intermédio deles que Deus fala com o povo, e é para eles que se dirigem as primeiras promessas. A promessa que dá sentido a história hebraica é feita para Abraão e seus descendentes: "Iahweh disse a Abrão: Sai da tua terra e da  tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que te mostrarei. Eu farei de ti um grande povo, eu te abençoarei, engrandecerei teu nome; sê uma benção!" (Deuteronômio 12:1). É essa promessa que move grande parte da história dos hebreus. Para conquistar esta terra, o hebreu teria que lutar e para vencer as batalhas, ele deveria obedecer fielmente as leis que o Senhor lhe ordenará.
As leis de conduta do povo hebreu se encontram descritas no Livro de Levítico e são narradas novamente no Livro de Deuteronômio. As mais importantes utilizadas neste estudo, estão no Deuteronômio, no capítulo 20 e são as leis acerca da guerra. Nelas encontramos os passos da guerra, quem deveria guerrear e que postura deveria ser tomada com os diferentes povos envolvidos nas batalhas. Estas leis são importantes, pois o tema deste estudo é a guerra entre hebreus e cananeus pela conquista da Terra Prometida, Canaã, atual Palestina. Canaã começa a ser conquistada por Josué, um líder e general que sucedeu Moisés. Moisés é um personagem importante na história hebraica, pois foi  libertador e legislador  do povo hebreu. Foi na liderança de Moisés que os hebreus chegaram até as fronteiras da Terra Prometida, cabia a Josué fazer com que o povo entrasse nesta terra. O local já estava ocupado por outro povo, os cananeus, e para conquistar a terra, os hebreus teriam que lutar.